ABI BAHIANA

Polícia recupera um dos bustos roubados da Casa de Ruy Barbosa

A Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos – DRFR, na Baixa do Fiscal, recuperou uma das peças roubadas do Museu Casa de Ruy Barbosa. O busto de bronze do jurista baiano foi devolvido à Associação Bahiana de Imprensa (ABI), na tarde desta quinta-feira (4/10). De acordo com a delegada Carla Ramos, a obra estava em um ferro-velho da capital baiana. O dono do estabelecimento entrou em contato com a polícia, depois de ver a campanha iniciada pela ABI com o objetivo de reaver os itens furtados no último final de semana.

Márcio Muller, superintendente da ABI, e a delegada Carla Ramos – Foto: Joseanne Guedes/ABI

“Olha o absurdo. Ele ia destruir a peça. Não fez isso porque viu a notícia nos meios de imprensa. Então, entrou em contato para devolver e informou de quem ele recebeu. Fatalmente, o atravessador conhece quem furtou. Estamos tomando as medidas necessárias para identificá-lo”, informou a delegada. Segundo Ramos, a polícia agora trabalha para identificar os autores do roubo. “A partir dessa pista, a equipe que preside a investigação vai tentar achar essa pessoa, encontrar os outros materiais e conduzir o autor para a delegacia”, completou.

Campanha – A ABI segue com a mobilização para recuperar as peças levadas do museu. O equipamento cultural pertence à entidade e é gerido através de um convênio firmado desde 1998 com o Centro Universitário UniRuy | Wyden (antiga Faculdade Ruy Barbosa). “Estamos contentes pela recuperação do busto. Nossa intenção é reaver todas as peças. Pedimos a ajuda de todos na divulgação da campanha”, destacou o presidente da ABI, Antonio Walter Pinheiro.

Leia também – Assaltantes furtam parte do acervo da Casa de Ruy Barbosa, em Salvador

O crime, que pode ter ocorrido entre a noite da última sexta-feira (28/09) e domingo (30), foi registrado pela Deltur (Delegacia de Proteção ao Turista) como “furto qualificado/arrombamento com subtração de bens”. Entre itens subtraídos da casa onde nasceu o jurista estão objetos pessoais e antiguidades, como bustos, medalhas, canetas, óculos, taça. O acervo do museu é composto por cerca de 300 peças e aproximadamente mil livros.


Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *